music
Comments 15

Um brasileiro no Portishead

“Esteja alerta para a regra dos três. O que você dá, retornará para você. Essa lição você tem que aprender. Você só ganha o que você merece.”

Se você já escutou o novo CD do Portishead, Third, deve ter se surpreendido com a voz que abre o disco recitando uma frase em português. Ainda mais depois de dez anos a espera desse trabalho. Não agüentei a curiosidade e achei o sujeito em Bristol, na Inglaterra. Claudio Campos, 34, é um brasiliense, professor de capoeira que mora na cidade desde janeiro de 2003. Dava aula de educação física em um centro que unia gastronomia e esporte, mas quando o governo desativou o local e ele se viu desempregado e com uma proposta de trabalho fora do país, não hesitou em vender o Corsa e se mandar. Confira o papo que eu bati com ele:

Como surgiu o convite para participar da gravação?
Eu dou aula de capoeira pra bastante gente aqui em Bristol e promovo uma festa brasileira. Durante uma noite dessas uma amiga disse que uma banda precisava de alguém para gravar um material em português do Brasil e, como eu já tive banda de reggae e de samba e gosto de música, topei.

Você não sabia qual era a banda?
Nunca havia escutado nem uma única música.

Você não conhecia o Portishead?
[Risos] Não, mas parece que eu tô ficando famoso no mundo todo, hein! Se eu soubesse, tinha cobrado mais.

Quanto você recebeu pela participação?
300 libras. E a gravação durou só 20 minutos.

Como foi no estúdio?
Quando cheguei, eles já estavam por lá. A banda toda menos a vocalista. Foram muito simpáticos, perguntaram de que parte do Brasil eu era e o que eu fazia em Bristol. Estavam felizes e bem animados com o novo trabalho. Me disseram que pensavam em usar o espanhol, mas que o Brasil estava na moda e que eles queriam algo parecido com uma gravação em português que eles tinham no estúdio. Era um homem fazendo propaganda de uma companhia de shows chamada Viva Bahia. Eles pediram para que eu falasse no mesmo ritmo. Então recebi três opções de texto, todos sobre karma e o número três. Falavam que tudo o que a pessoa dá para o mundo ela recebe de volta três vezes. Traduzi os textos, li e eles escolheram esse que saiu no disco. Gravei cinco vezes e fui para casa. Eles agradeceram e disseram que iam trabalhar em cima do material. Mais tarde ainda tirei uma onda com os amigos: ganhei 300 libras facinho!

Quando você ouviu “Silence”, a faixa que abre o CD, pela primeira vez?
Estava dando aula de capoeira e um aluno me ligou. Havia reconhecido a minha voz. Depois as ligações não pararam. Muitos amigos daqui notaram. Me disseram até que é a minha fala que abre o show. Outro aluno foi ao festival em que eles tocaram e achou que eu estava no palco falando no microfone! Está sendo divertido. Até já comprei o CD para guardar de recordação.

15 Comments

  1. Filipe says

    Excelente, Kakátia! Perdigueira de primeira pra caçar essa história. Eu tava achando que era sample de alguma coisa…

  2. João Carlos H. says

    Me mandaram o link com a notícia e eis quem é a Sherlock Holmes!Mandou bem dona jornalista traidora do movimento criativo.Apareça.

  3. Kátia Lessa says

    Traidora nada Joca. Deixei a publicidade pra vc ficar milionário!Se joga no Euro e pague passagens pra mim depois. Fechado?Bjo

  4. Pingback: A voz brasileira do Portishead « Misquilinas, variadas até demais

  5. Pingback: With Lasers! » Blog Archive » Radiohead faz cover de nova do Portishead

  6. Morri, imagina se o cara falasse um monte de besteira, ahahaahha seria muito engraçado!

    “Prá dança créu tem que ter habilidade”

  7. Pingback: » Frase em português no disco do Portishead é de capoeirista brasileiro MUNDO10.COM: Faça parte desse MUNDO!

  8. Pingback: Cláudio Campos « Rodrigo James

  9. Luciano says

    sanou uma dúvida minha.. agora falta outra…

    – Por que da “regra dos três” (Wicca) ????

    belo post.
    =]

  10. o cara me pareceu nao ter captado a genialidade que é o Portishead, aparentemente para ele é só uma banda que ele trabalhou, ganhou dinheiro e deu uma puta repercussao sem ter esperado…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s